FANDOM


Aparecimentos em Editar

Sinopse "Cooper Enterprises"Editar

Sem saber se o que fez foi um sonho, ou realidade, William volta a dormir. Ao acordar, percebe que não foi um sonho, e ve nos noticiarios sobre um Vigilante sem nome que atacou uma gangue. William decide por contar isso alguem. Ninguem melhor que David.

Foi a casa de David Adams , que igual a ele, havia se aposentado do mundo do crime, e estava morando junto com a sua esposa e dois filhos, trabalhando como assistente em uma empresa.Contou a ele tudo que aconteceu, e disse que também sentia muita culpa por tudo que havia feito, mas disse que não tinha como consertar.William tentou convencer David a ajuda-lo, mas David disse que realmente não podia, que tinha sua familia, e que ela poderia correr perigo de novo.Além de aconselhar William para parar.

Depois disso, William foi ao banco ver sua conta. William decidiu uma coisa. William falou com diversos dos seus contatos, que decidiram abrir uma empresa de caridade. Metade do dinheiro de William foi para essa sua nova empresa de caridade, que ajudava mendigos, crianças, até a policia. Era como um grande centro de otimos investimentos. Apenas duas semanas depois, a "nova empresa" de William estava famosa por todo Los Angeles, já estavam construindo instalações e ele iria pela primeira vez aparecer na televisão.

Ele apareceu, e deu pela prmeira vez sua entrevista sobre seus objetvos. Deu a sua empresa o nome de Cooper Enterprises, além de falar que diversas vagas estavam se abrindo para trabalhar.

Seu amigo de infancia, Luke Dylon, ligou pra ele e disse estar impressionado. Luke cresceu com ele em South Los Angeles e os dois já tinham feito diversos trabalhos criminosos juntos. Os dois se encontraram, e William explicou que ele estava tentando se redimir. Luke ficou um pouco decepcionado por nunca mais poder trabalhar junto com seu amigo.

Luke também disse que estava trabalhando em uma coisa grande, e William recomendou que ele mudasse junto. 

A empresa estava criando diversos empregos todos os dias, e até David acabou por pedir um emprego lá. William deu o emprego a seu amigo.

William estava de certa forma se sentindo menos culpado por tudo que ele fez, mas de certa forma, ainda não tinha "completado" seu objetivo. 

A noite, com, peso na consiciencia, William vestiu novamente o traje, que só tinha vestido uma vez.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.